Anúncio

Categorias e Notas dos Óleos Essenciais

Notas e Categorias para Óleos Essenciais
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Já sabemos que os óleos essenciais são a parte mais etérea da planta, sua essência 100% pura! E são extraídos das flores, ervas e raízes.

A utilização dos óleos essenciais tem o poder de auxiliar acelerar a cura de diversas enfermidades. E quando combinado com outros óleos possuem maior potência.

Mas não basta misturar óleos essenciais que muitas vezes não se combinam entre eles ou onde um irá anular o efeito do outro.

E para isso , os óleos essenciais são divididos entre categorias e notas para que essa sinergia seja coesa e possa te ajudar ainda mais com o propósito de sua utilização.

Primeiramente, a sinergia entre óleos essenciais deve conter no máximo 3 óleos diferentes, pois utilizar mais óleos essenciais poderá causar uma bagunça química rsrs e não haverá nenhum efeito no tratamento.

Mas vamos às definições dos óleos essenciais.

Primeiramente as categorias dos óleos! Saber as categorias dos óleos é um pouco mais fácil, pois já estamos mais habituados.

Por exemplo, você sabe que o aroma de uma lavanda é floral certo? Ou de um gerânio, ylang ylag…Ou que o aroma da hortelã é mentolado. E as categorias dos óleos essenciais é exatamente isso..

Vamos listar as categorias e dar exemplos de 1 óleo essencial por categorias:

  • Floral: Gerânio
  • Amadeirado: Cedro
  • Terroso: Vetiver
  • Herbal: Alecrim
  • Mentolado: Hortelã-Pimenta
  • Canforado: Eucalipto
  • Condimentado: Canela
  • Oriental: Gengibre
  • Cítrico: Laranja
  • Resinoso: Olíbano

Então para o primeiro passo de uma sinergia de óleos essenciais é termos em mente qual aroma combina com outro.

Um aroma floral com mentolado, por exemplo, não seria uma combinação onde o aroma seria interessante, seria somente um aroma forte. E é regra principal para aromaterapia é que o aroma deve ser agradável para o indivíduo que o utiliza.

Os óleos florais combinam muito bem com condimentos, cítricos e amadeirados. Os Amadeirados por sua vez, combinam com todas as categorias. E óleos essenciais da mesma categoria misturam bem entre si!

Os condimentados combinam com cítricos, orientais e florais. E os mentolados se dão bem com os cítricos, herbáceos e terrosos.

Mas não somente a categoria dos óleos é importante estar em sinergia, as notas também devem ser consideradas na hora de misturar essas gotinhas!

Os óleos essenciais são divididos em 3 notas, as altas, médias e de base.

As notas altas são os óleos essenciais de categorias cítricas, mentoladas e canforadas.

São os óleos que se dissipam mais rápido e seu aroma será o primeiro que será sentido em uma sinergia. Esses óleos possuem característica joviais, despertam a mente para o aqui e o agora. E despertando a consciência, abrem passagem para um caminho mais leve.

A notas médias são os óleos essenciais de categorias florais, condimentados e herbais.

São os óleos que serão sentidos por um pouco mais tempo.

Esses óleos nos fazem conectar e criar laços legítimos, pois celebram a harmonia, a beleza e a autenticidade. São aromas acolhedores e calorosos.

As notas base são as categorias amadeiradas, terrosas e resinosas.

São os óleos essenciais que são mais ricos e pesados, ajudam a fixar o aroma dos óleos essenciais de notas altas.

Atuam nas memórias não codificadas, traz à consciência aquilo que havia sido arquivado e está à espera de um desfecho. São aromas que nos dão suporte, raiz, chão.

Respeitando as categorias e notas de cada óleo ficará mais fácil de fazer as sinergias que deseja com o objetivo terapêutico que espera!

Lembrando de procurar um profissional da aromaterapia para descobrir qual seria o melhor óleo essencial para você e montarem juntos a sinergia perfeita!

Não esquecendo de considerar as características individuais de cada óleo essencial e usar uma base carreadora em suas misturas, pois os óleos essenciais não podem ser aplicados diretamente na pele!

Veja mais artigos sobre Aromaterapia.

Anúncio

Deixe seu comentário...

Com o facebook...

Ou com seu e-mail...

Deixe um comentário

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Anúncio