Anúncio

Você sabe o que é saúde?

Você sabe o que é saúde?
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Você está atento aos sinais do seu corpo?

Para alguns a saúde é definida como ausência de sintomas das doenças. Ou seja, se você não apresenta nenhum sintoma físico de alguma doença, você está saudável!

Mas, para a nossa sorte, hoje a saúde é definida pela OMS (Organização Mundial da Saúde) como o bem estar físico, mental e social. Isso quer dizer que não basta apenas não apresentar um sintoma exclusivamente físico como uma febre, manchas no corpo, etc. para se considerar saudável, mas sim, estar bem psicologicamente e socialmente.

A OMS já reconheceu a saúde como mais que o físico estar bem, mas e você?

Tem cuidado da sua saúde? Não, eu não estou falando dos exames anuais que você tem que fazer. Isso é básico.

Me refiro às suas emoções, sabe aquela ansiedade que de vez em quando vem atormentar? Ou até diariamente né? Estou falando das noites mal dormidas sem justificativa. Me refiro a se sentir em paz com as escolhas que fez até esse momento de sua vida. Ou vez ou outra você ainda se questiona sobre alguns traumas? Ou até mesmo sobre se sentir confortável com as pessoas que estão ao seu redor no dia-a-dia.

Como estão essas questões? Agora você pode se responder se está saudável ou não.

Há muito tempo atrás Hipócrates, na Grécia antiga, já definia a saúde não como culpa de forças sobrenaturais, mas como três questões fundamentais que deveriam estar em equilíbrio, que eram o corpo, a mente e o meio ambiente.

Igual ao citado pela OMS.

Então podemos dizer que o processo de construção de si mesmo, de como vemos o mundo, dos nossos gostos, dos nosso hábitos, dos nossos pensamentos, das nossas falas, do nosso olhar interno, nos dirá se estamos ou não saudáveis.

Vamos lá…

Uma crise de ansiedade pode virar um crise de pânico, uma depressão… e nossa tendência é só olharmos para nós mesmos quando chegamos nesse ponto, onde em muitas vezes, o caminho à cura se torna mais longo.

Se já temos algo nos incomodando, primeiro devemos já verbalizar para alguém próximo o que sentimos e procurar alguma ajuda.

Muitas dos doenças se iniciam primeiramente em nosso corpo energético que é o diretamente influenciado pelo meio ambiente e principalmente pela nossa mente. Então se detectarmos algo que nos incomoda nessa fase, melhor, pois podemos tomar ação antes que nosso físico também se comprometa!

E como fazemos isso?

Primeiramente, temos diversas terapias integrativas e complementares que são preventivas a diversos tipos de doenças, tanto de ordem física como psicológica.

A terapia complementar tem como objetivo ajudar o indivíduo a manter o equilíbrio de três fatores, o individual, social e ecológico. Ou seja, cuida do indivíduo, de suas relações sociais e considera o meio que está envolvido.

Aqui já falamos sobre a aromaterapia e de como ela ajuda em nossa saúde. Mas há diversos tipos de terapia como florais, acupuntura, cromoterapia, etc.

Mas essas terapias não fazem trabalho milagroso, assim como a medicina tradicional, é necessário que o indivíduo esteja comprometido com seu bem-estar!

É importante considerar que se você já está em tratamento com médico por conta de qualquer doença, você pode e deve agregar à terapia complementar em seu tratamento. Pois uma não anula a outra, a terapia será complementar e não tem intencionalidade de afetar o  tratamento médico que está sendo realizado e sim, acelerar o processo de cura do cliente.

Uma das formas para ter mais saúde, também, é ouvir nosso próprio corpo. Você presta atenção?

Aconteceu comigo uma vez o seguinte caso.

Um dia durante minhas férias, no final da tarde, tive muita dor de cabeça e um mal estar enorme. A primeira reação seria “acho que vou gripar”, quem se identifica? rsrs.

Mas eu estava nesse processo de tentar entender meu corpo e ver o que realmente significavam essas reações… Como quase que uma intuição, pensei nos meu dia, o que comi, o que bebi.. Ah, é isso, água! Eu havia tomado somente 1 copo d´àgua o dia todo.

Se você procurar no “Dr. Google” agora vai ver que o sintoma de falta de água é dor de cabeça e cansaço.

Pronto, dá-lhe água e alimentação saudável.

Sem remédio, sem crise.. todos os sintomas passaram.

Não estou dizendo que você deve ficar procurando no Google o que sente e se auto medicar ou deixar de ir no médico se sentir algo!!! Estamos falando de saúde e não de irresponsabilidade hahaha…

Tentar entender o que seu corpo quer dizer, e se ele disser: procure ajuda, procure!

Está na nossa mão cada questão da nossa saúde, seja física, mental e social, estar em ordem. Você não está sozinho e acredito que todos nós colocamos à saúde em primeiro lugar, nossa e do nosso próximo!

Não deixe pra depois, opções não faltam! E fique atento aos sinais que sua consciência tem procurado te dar tão fortemente, mas você ignora.

Anúncio

Deixe seu comentário...

Com o facebook...

Ou com seu e-mail...

Deixe um comentário

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Anúncio